Cristiano Ronaldo inicia campanha na Copa do Mundo com Portugal após saída do Manchester United



CNN

Dois dias após sua turbulenta saída do Manchester United, Cristiano Ronaldo começará sua campanha na Copa do Mundo com Portugal e tentará deixar para trás os acontecimentos da última semana e meia.

Portugal enfrenta Gana no Estádio 974 na quinta-feira, dando início ao que provavelmente será a última Copa do Mundo de Ronaldo, de 37 anos – um troféu que até agora o iludiu ao longo de sua carreira.

Um torneio de sucesso no Catar também permitiria que Ronaldo superasse seu conturbado divórcio com o United, tendo encerrado sua segunda passagem pelo clube na terça-feira.

Isso aconteceu depois que o atacante deu uma entrevista explosiva à Talk TV, na qual disse que se sentiu traído pelo United e lançou um ataque contundente ao técnico Erik ten Hag.

E com o início da Copa do Mundo, Ronaldo ofereceu garantias de que o foco de seus companheiros portugueses não será abalado pelo momento de sua entrevista bombástica.

“Na minha vida, o melhor momento é sempre o meu momento”, disse ele a repórteres na segunda-feira. “Eu não tenho que pensar sobre o que as outras pessoas pensam. Eu falo quando eu quero. Os jogadores me conhecem muito bem há muitos anos e sabem o tipo de pessoa que sou”.

Após o anúncio de sua saída do Manchester United, Ronaldo foi suspenso por dois jogos e multado em £ 50.000 (cerca de US$ 60.000) pela Associação Inglesa de Futebol (FA) por dar um tapa no celular da mão de um espectador no início deste ano.

O incidente ocorreu após a derrota do United por 1 a 0 para o April, no Everton. Além da multa e suspensão – que não valem na Copa do Mundo, mas serão transferidas para qualquer novo clube que ele ingressar – Ronaldo foi advertido pela FA sobre sua conduta futura.

Portugal é o grande favorito contra Gana, com 52 lugares separando os times no ranking da FIFA.

Mas o pedigree e o poder das estrelas parecem contar pouco nesta Copa do Mundo, um torneio no qual os azarões se saíram bem contra adversários mais poderosos.

A Arábia Saudita recuperou de uma desvantagem para derrotar a Argentina por 2-1, enquanto o Japão fez o mesmo contra a Alemanha – sinais claros de que nenhuma equipa deve ser subestimada, nem deve ceder à complacência.

Sem chegar às quartas de final de uma Copa do Mundo desde 2006, Portugal tem um ponto a provar no Catar e chega ao torneio com bastante poder de fogo.

Apesar da ausência do atacante do Liverpool, Diogo Jota, devido a lesão, jogadores como Ronaldo, seu antigo companheiro de equipe no United, Bruno Fernandes, e as estrelas do Manchester City, João Cancelo e Bernardo Silva, devem jogar na quinta-feira.

Contra eles estará uma seleção de Gana com pouco desempenho, mas sem falta de qualidade.

Tendo sido eliminado da Copa Africana de Nações após uma derrota humilhante na fase de grupos contra Comores em janeiro, o Black Stars se beneficiará das “contratações” do atacante Inaki Williams e do lateral-direito Tariq Lamptey antes do torneio.

Williams trocou alianças da Espanha no início deste ano e Lamptey da Inglaterra.

Otto Addo – o único técnico em tempo parcial no torneio – também tem à sua disposição o meio-campista Mohammed Kudus e jogadores experientes, incluindo Thomas Partey e os irmãos Ayew, Jordan e Andre.

Otto Addo fala aos repórteres antes do jogo de Gana contra Portugal.

Ainda não se sabe se Addo, que trabalha principalmente como olheiro do time alemão Borussia Dortmund, pode fazer Gana clicar.

Também no Grupo H estão Uruguai e Coreia do Sul, que se enfrentam no Estádio Education City na quinta-feira.

O Uruguai é o favorito e se beneficiará da experiência de Edinson Cavani e Luis Suarez. O atacante do Liverpool, Darwin Núñez, também estará no ataque, enquanto os meio-campistas Rodrigo Bentancur e Federico Valverde têm estado em excelente forma ultimamente.

A notícia positiva para a Coreia do Sul é que o craque Son Heung-Min se recuperou de uma lesão na órbita ocular e treinou com uma máscara protetora esta semana.

Nos outros jogos de quinta-feira, os favoritos do pré-torneio, Brasil e Sérvia, serão os dois últimos times a iniciar seus torneios quando se enfrentarem no Lusail Stadium.

O pentacampeão Brasil possui, sem dúvida, a melhor linha de ataque do torneio, tanto em termos de qualidade quanto de profundidade.

Neymar Jr – como os outros talismãs Ronaldo e Lionel Messi – está em busca de seu primeiro troféu da Copa do Mundo, e ele será habilmente apoiado ao lado de Vinicius Jr. do Real Madrid, Raphinha do Barcelona e Richarlison do Everton.

Neymar (centro) treina com o Brasil em Doha, no Catar, antes da Copa do Mundo.

Mas a Sérvia, que liderou o seu grupo de qualificação à frente de Portugal, não será fácil e tem muita capacidade de golo no capitão Dušan Tadić, no avançado da Juventus, Dušan Vlahović, e no avançado do Fulham, Aleksandar Mitrovic. No entanto, Vlahović e Mitrovic têm sofrido lesões antes do torneio.

Na esperança de chegar às oitavas de final de uma Copa do Mundo pela primeira vez, a Sérvia provavelmente terá que enfrentar Suíça e Camarões, que se enfrentam na quinta-feira, para chegar às oitavas de final – salvo resultados desastrosos para o Brasil.

Mas, como esta Copa do Mundo demonstrou até agora, não descarte nenhuma eventualidade.

Suíça x Camarões – 5h, horário do leste

Uruguai x Coreia do Sul – 8h ET

Portugal x Gana – 11h ET

Brasil x Sérvia – 14h ET

EUA: Fox Sports

Reino Unido: BBC ou ITV

Austrália: SBS

Brasil: SportTV

Alemanha: ARD, ZDF, Deutsche Telekom

Canadá: Bell Media

África do Sul: SABC

Leave a Comment